Mas a Copa estava comprada… só que não!


Mas não é que eu estava errada… e o Brasil acabou eliminado da Copa por inacreditáveis, humilhantes 7×1!!? E caso ainda restasse dúvida de que nada foi comprado, perderam também o jogo de hoje contra a Holanda por 3×0!
Eu confesso que depois daquela derrota homérica passei a torcer para a Holanda. Hoje sequer assisti ao jogo, já dediquei tempo demais assistindo esta Seleção canarinho amadora. A Holanda merecia estar na final junto com a Alemanha. Jogam muito futebol, já chegaram à final várias vezes mas nunca venceram, tem uma história incrível, eles mereciam vencer!! Mas, tristemente o mundo é injusto, e amanhã assistiremos à Argentina x Alemanha. Isso significa que amanhã tudo aqui é vermelho, amarelo e preto! Que os “hermanos” trogloditas voltem sem taça para casa!

Em vez de assistir o jogo de hoje, fui ver “O Teorema Zero” do Terry Gilliam no cinema com a família. Valeu a pena. É um filme típico do Terry Gilliam, lembra muito “Brazil” (o filme), no que apresenta protagonistas não-convencionais, se passa no futuro mas as tecnologias são meio anacrônicas (computadores e afins são grandes máquinas barulhentas, cheias de tubos, engrenagens, luzes piscando, os telefones antigos como os do século 19). Tanto o protagonista de “Brazil” quanto o de “O Teorema Zero” estão em um romance peculiar e complicado, e o final é bastante aberto à interpretações nos dois casos. Mas “Brazil” tem um tom mais épico, grandioso e quixotesco, enquanto “O Teorema Zero” é mais introspectivo.
DSC_1028



This is what will be of Brazil if PT remains in power


Brazil is the next Venezuela.
This is what Brazil will become in case population keeps re-electing Lula’s leftist party:

“This is a Food Line in Venezuela”

 



The Public Market has caught on fire.


 

Ontem, começando às 20h e 30min, o Mercado Público de Porto Alegre pegou fogo pela quarta vez.

Este já é o quarto grande incêndio no RS neste ano, num período de 6 meses. Primeiro a boate Kiss, depois o Cabaret Voltaire, depois o pavilhão da FENAC em NH, e agora o Mercado Público. Nós precisamos aprender. Não é só cobrar das autoridades. Isso também, mas tem coisas que tem que partir de nós. Temos que fazer um PPCI na reunião do condomínio. Temos que convocar um bombeiro para vir a nossa reunioão e explicar como se agir em caso de incêncio. Temos que fazer simulações de evacuação em caso de incêndio, como fizeram no Santa Monica outro dia. Precisamos nos informar mais tanto para nos cobrarmos quanto para cobrar das autoridades. Quantos hidrantes tem na rua de vocês? Eu não sei quantos tem na minha. Na frente da minha porta tem uma daquelas caixas gigantes com uma mangueira gigante anti-incêndio. Quem vai operar aquilo ali? Como operar um extintor de incêndio? Ah, é fácil, as instruções estao escritas no extintor. Mas o extintor é pesado, tem fumaça, eu sou gorda e fracota e tenho miopia e não consigo nem pensar direito porque estou nervosa, tenho que salvar meus gatos e meu cachorro e vou deixar o extintor cair no meu pé… Nos Estados Unidos (tá, desculpa eu novamente, sempre, comparar tudo com os EUA mas…) até as criancinhas do jardim de infância são treinadas para situações de emergência como incêndios. Temos que seguir esse ‘padrão ouro’. Já é a quarta vez em apenas 6 meses. Está na hora de aprendermos.

Link para album com fotos do incêndio.



Quick update…


Cary and I just returned from a rally at the park, A rally against PEC 37, against institutionalized corruption, against a bill pro ‘gay cure’, against an evangelical pastor, Marcos Feliciano, taking over the Human Rights Committee; pro-education. Also there was a “marcha das Crianças” (the march of the children) happening at the same time.
Plenty of images on our respective Flickr accounts.

Marcha contra PEC 37 - POA 23/06

Marcha contra PEC 37 - POA 23/06

Marcha contra PEC 37 - POA 23/06



Nós lembramos do teu nome.


Não se esqueçam da face daquele do qual não dizemos o nome. Aquele que convenientemente esqueceu de mostrar a face durante os atuais protestos. Aquele que nasceu nos protestos, e que aparece exgeradamente na mídia mesmo depois de largar a presidência.Aquele que aparece na mídia indo fazer vacina contra gripe no posto de saúde ou até comprando misto quente na padaria da esquina. Aquele que se econtra com outros chefes de estado e fala em nome da nação, mesmo sem ser mais a autoridade máxima do país, aliás, aquele que atualmente não é nada, porque antes de ser presidente não era nada e nem sequer trabalhava, e que agora continua sem trabalhar. Aquele que continua sendo o cacique por trás de todas as articulações políticas que mantém firme e forte esta corja de larápios que atualmente ocupa as cadeiras de grife do congresso e senado nacionais. Aquele que não quer mostrar a cara porque ele não sabia de nada. Não esqueçam a face daquele do qual não dizemos o nome.



Pela Dissolução do Congresso Nacional


Para que as reivindicações dos protestos sejam cumpridas é necessário primeiramente uma reforma política. Mas para isso eu acho que é necessária e imprescindível a dissolução do congresso nacional, pois os políticos que lá estão não vão legislar em favor das reivindicações das passeatas, pois ou eles não entendem (pois não sabem pensar “out of the political box”), ou entendem mas não se importam, com o fato de que a raíz do problema são justamente eles, e que nenhuma das reivindicações vai ser cumprida se eles continuarem lá, do jeito que eles são. Basicamente, eu acho que o congresso nacional precisaria de psicoterapia para entender qual é sua doença e então tentar se curar. Mas o congresso não é uma pessoa. Por isso eu acho que a dissolução do congresso nacional, com convocação de nova eleição, proibindo qualquer deputado atualmente eleito, suplente, ou familiar de deputado e de suplente de se candidatar, assim como qualquer pessoa que se candidatou nas ultimas eleições, e assim como qualquer pessoa com processo na justiça por qualquer motivo – nenhum poderia ser candidato. Os novos candidatos deveriam ser apartidários, e somente serem permitidos para se afiliar a um partido político 4 anos depois que a reforma política aprovada entresse em vigor, sem possibilidade de se reeleger, e sem possibilidade de trocar de partido, jamais, para evitar que eles próprios possam se beneficiar da reforma polítca. Deste modo se estaria resetando o estado atual da política nacional, se estaria removendo velhas oligarquias e alianças políticas que tem prejudicado o Brasil há anos. Eu não creio que os politicos atuais sejam capazes de fazer nada. Eles são umas toupeiras, e eles não querem fazer nada. Dissolução do congresso nacional sim – mas sem isso significar ditadura, que fique bem claro. Esta é minha unica reivindicação, porque sem ela, todas as outras não vão se tornar realidade.



Pronunciamento da Presidente Dilma Rousseff sobre os manifestos no Brasil


INTERPRETANDO DILMA NA TV (Dilma’s pronouncement for dummies)

O Brasil retórica retórica retórica retórica retórica democrática e as manifestações pacíficas são retoricamente lindas. Porém, a violência retórica, retórica, retórica combatida. A minha geração retórica retórica retórica retórica (pula parte onde diz que fez luta armada e foi terrorista a se faz de vítima torturada) retórica retórica pelo Brasil. Vamos não resolver os problemas fazando a mesma merda que já não estamos fazendo, inclusive trazer milhares de médicos estrangeiros, retórica retórica retórica. Vocês tem que ser partidários porque só com partidos o PT pode continuar no poder e sem partidos não podemos continuar sendo corruptos e mantendo esta estrutura administrativa ridiculamente cara aos seus bolsos. Retórica retórica o Brasil é o país do futebol e vôces brasileiros são obrigados a fingir que amam a copa do mundo para que possamos fazer falsa propaganda sobre o o país no exterior e fazer essa merda dessa copa de uma vez por todas. Retórica retórica retórica, em resumo, entendo como presidenta tudo que vocês querem mas estou cagando e andando e não quero mudar nada então estou fazendo esse discurso retórico só pra ocupar espaço na TV.



Políticos Brasileiros não entendem nada


Não creio nas coisas que escuto na GloboNews. “O governo não sabe o que vai ouvir e o que vai negociar com os protestantes porque as reivindicações são esparsas e o movimento é apartidário e não tem líder. O governo não sabe por onde começar.” Os nossos governantes são completamente idiotas, retardados, incapazes de entender que a grande moral da história de toda esta manifestação é justamente que eles, os governantes, perderam totalmente a credibilidade junto ao povo, que a POLITICA brasileira está desacreditada A TAL PONTO QUE OS MANIFESTANTES SE RECUSAM A LEVANTAR BANDEIRAS PARTIDÁRIAS DURANTE AS MANIFESTAÇÕES, pois já ficou claro que tomar partido político aqui não significa porcaria nenhuma. Vocês, governantes, não vão negociar com os protestantes porque não entendem que, para negociar com os protestantes, a primeira coisa que precisa mudar é a sua própria atitude em relação ao povo.



Do Not Go To Brazil



How fandom and ideology blinded the Brazilian left from seeing the blatant exploitation of Cuba’s doctors.

Read the full article here.